Aspiração central torna a limpeza mais prática

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Carregar o aspirador pela casa é passado

Se você faz a limpeza de sua casa, tapetes e carpetes com um aspirador de pó portátil, que pode ser carregado por todos os ambientes da residência, saiba que já existe tecnologia no mercado capaz de tornar esta tarefa mais prática. O sistema de aspiração central é um dos produtos de automação residencial que chegaram recentemente ao Brasil.

Muito comum no EUA e no Canadá, a aspiração central é um sistema que instala tubulações de PVC nos forros e paredes das residências que, ligadas a um aspirador central colocado em uma área de serviço, garagem ou lavanderia, carregam todo o ar aspirado pela casa até a central, que o filtra e expele sem que ele seja devolvido ao local já limpo. O sistema conta com tomadas espalhadas pelos ambientes, às quais as mangueiras de aspiração são conectadas para que a limpeza seja feita.

Estas tomadas possuem tampas e molas que as mantêm fechadas e evitam a entrada de objetos. Além disso, o motor somente começa a funcionar quando a mangueira é encaixada na tomada. Os tubos são como os utilizados para o encanamento de esgoto, de duas polegadas.

Segundo Levon Sevzatian Filho, gerente de produtos da Hayden do Brasil, uma das empresas fornecedoras do produto, a tecnologia foi desenvolvida nos EUA e é uma evolução dos produtos de aspiração que começaram a aparecer nos anos 1920. "No início eram usados tubos de metal e o motor precisava ser bombeado à mão por meio de uma manivela. Nos anos 1930 apareceram os aspiradores de pó portáteis e nos anos 1960 o sistema ficou mais viável com o surgimento do PVC", explica Levon.

Outro mecanismo de limpeza que integra o sistema de aspiração central é o glutão ou pá automática. Ele costuma ser instalado em cozinhas e áreas de serviço, assim, quando o ambiente é varrido, ao invés de pegar os resíduos com uma pá, você pode acioná-lo com o próprio pé e deixar que a sujeira seja sugada para a central de aspiração.

Instalação e manutenção

Não existe metragem mínima para a instalação da aspiração central. O sistema pode ser implantado em casa de 200 m² pelo custo de R$ 4 mil, em média. O momento ideal para acrescentar este modelo de automação em sua residência é durante a construção ou reforma, já que a colocação dos tubos exige que as paredes que receberão tomadas sejam quebradas. Geralmente, a tubulação fica sobre o forro.

Antes da instalação é preciso que um projeto com base na planta da casa ou apartamento seja feito para calcular a quantidade de tomadas necessárias para atender toda área que precisa ser aspirada. Além disso, é preciso verificar interferências da tubulação de aspiração central nos demais sistemas, como a instalação de ar condicionado.

Antonio Caramico, diretor da Biltech, importadora e distribuidora dos sistemas de aspiração central Beam no Brasil, menciona que, todos os canos curvos, que fazem a conexão entre as extremidades da tubulação, são importados e recebem um acabamento especial, como a eliminação de ranhuras, por exemplo, para evitar o acúmulo de poeira. As mangueiras usadas para fazer a aspiração dos ambientes também são confeccionadas em PVC.

As centrais de aspiração têm entre 28 cm de diâmetro e 112 cm de altura e capacidade entre 10 e 27 litros. Elas possuem motores especialmente trabalhados para emitir menos ruídos e controlar a trepidação. Alguns modelos, normalmente os menores, podem ter filtros descartáveis, que precisam ser trocados em média a cada dois meses. As centrais maiores usam filtros laváveis e autolimpantes, que podem ser limpos com água e sabão e usados por dois anos.

Ar mais limpo e casa mais valorizada

Os fornecedores dos sistemas de aspiração central indicam ainda um ganho na qualidade do ar das residências onde o mecanismo é instalado, pois o equipamento conseguiria retirar ácaros, bactérias e fungos dos ambientes aspirados e teria eficiência maior do que as vassouras, que deixam a sujeira suspensa no ar, e os aspiradores de pó portáteis, que retornam o ar ao ambiente que está sendo limpo.

"Não é só a facilidade de não carregar o aspirador de pó pela casa, do sistema ser automático, de poder usar a pá automática depois de varrer, o equipamento interfere na saúde do ambiente também. Estamos mudando de hábitos, ficando mais tempo fora e deixando a casa mais fechada, por isso a necessidade de limpar o ar é maior", assinala Antonio Caramico.

Além disso, a instalação de mecanismo de automação valoriza os imóveis. "Nos anos 1990, nos EUA, houve um boom de procura pela aspiração central como forma de valorizar os imóveis na hora da construção e reforma", destaca Levon Filho. Segundo a Hayden, a empresa instala por mês em São Paulo 60 sistemas de aspiração central.

O diretor da Biltech comenta também que desde que a empresa passou a atuar no Brasil, em 1999, foram instalados sistemas em residências, edifícios comerciais, hotéis, ônibus, barcos e até em plataformas de petróleo. Conheça mais produtos de automação residencial.

Tags:

Comentários


  • 10 de janeiro de 2012 às 00:00
    Gostaria de adiquirir os equipamentos de aspiração sentral ,
    como eu faso para telos?
  • 6 de junho de 2012 às 00:00
    como faço para adquirir o aspirador de pó central
    qual o valor?
  • 5 de agosto de 2012 às 00:00
    Gostaria de instalar esse serviço em minha residencia, qual o procedimento ?
  • 18 de janeiro de 2013 às 00:00
    Boa tarde .
    preciso de preço de material ...
  • 3 de novembro de 2013 às 00:00
    Eu gostaria de conhecer melhor como projetar esse sistema em uma obra nossa,muito obrigado,abraço.Roberto.
Ir para o topo