Normas de segurança para gás canalizado

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Dicas sobre a instalação e o local

Quando o assunto é sistema de gás canalizado em casa, muita gente tem dúvida sobre o que é obrigação do condomínio, do morador e da empresa de gás e quais são as normas de segurança que garantem um bom funcionamento do sistema. Confira agora alguns cuidados necessários com o gás canalizado.

Manutenção da tubulação de gás

Aquecedor a gás

Shutterstock / Rhonda Roth

Todos os elementos de uma instalação por onde o gás passa - tubulações, aparelhos a gás, uniões e conexões - devem estar em boas condições de conservação. Para isso:

  • Não utilize as tubulações de gás como suporte de outros objetos.
  • As instalações de gás devem estar 20 cm afastadas de instalações de outras naturezas.
  • As instalações não devem passar por locais sem ventilação.
  • Ambientes onde existem equipamentos a gás precisam ter volume de, no mínimo, 6m³.
  • Não coloque materiais inflamáveis ou corrosivos perto das tubulações.
  • Feche o registro de gás após a utilização dos aparelhos.
  • Feche a válvula do medidor de gás caso se ausente de casa por vários dias.

Cabine de medidores

  • Ventilação permanente deve ser equivalente a, no mínimo, 1/10 da área do piso.
  • A cabine deve estar em local de fácil acesso.
  • Caso tenha iluminação artificial, as luminárias devem ser à prova de explosão.
  • Não deve ser usada como local de depósito.
  • O interruptor deve ser instalado do lado de fora da cabine.
  • As instalações dentro de abrigos devem estar identificadas por uma plaqueta metálica contendo o número do apartamento/unidade.

Ventilação dos ambientes onde há aparelhos a gás

Ventilação

Divulgação / CEG

É fundamental que locais com aparelhos a gás tenham ventilação permanente, pois no processo de combustão o gás consome tanto o oxigênio do ambiente como libera gases provenientes de sua combustão.

  • Janelas ou basculantes devem ser fixos abertos livres de obstáculos que impeçam a renovação do ar no ambiente.
  • É preciso deixar uma área superior aberta, acima de 1,5m do piso, com no mínimo 600 cm².
  • Deve haver ventilação inferior, através de um corte de 3 cm na porta ou instalação de veneziana com área mínima de 200 cm², abaixo de 0,80m do piso.
  • Deve haver uma área total mínima de ventilação de 800 cm².
  • Caso você feche a área de serviço com esquadria, mantenha uma báscula fixa aberta, para proporcionar a ventilação permanente.

Saída dos produtos da combustão dos aquecedores e boilers com exaustão natural

Instalação de gás canalizado

Divulgação / CEG

Estes equipamentos necessitam de uma chaminé para condução dos produtos da combustão ao exterior.

Deve ser instalado um terminal externo, tipo T, que evita o retorno dos produtos da combustão ao interior do ambiente. O trecho mínimo vertical deve ser de 35 cm. E o trecho horizontal não deve ter declividade e possuir comprimento máximo de 2 m.
Não devem existir emendas ou encaixes no percurso das chaminés individuais, de forma a evitar o escapamento dos gases.


Manutenção de Equipamentos.

Quando a combustão é correta, a chama não oscila, é silenciosa e de cor azulada.


Uma chama oscilante de cor amarelada ou azul clara é indício de má combustão, que pode ser causada pela falta de conservação do aparelho.
Neste caso, contate os serviços autorizados do fabricante ou uma empresa especializada.

Conexões de equipamentos

Esquema de conexão de gás canalizado

Divulgação / CEG

A instalação do gás deve ser em tubo flexível metálico, conforme a norma NBR 14177 e deve possuir um registro de gás em local de fácil acesso e ventilado.
Para evitar deterioração, que pode causar escapamento de gás, o tubo flexível não deve estar em contato com superfícies quentes ou com produtos químicos, e as conexões devem estar em boas condições e sem escapamentos.

Vistoria periódica das instalações e equipamentos a gás

No mínimo a cada dois anos deve ser feita uma vistoria das instalações e equipamentos a gás, por meio de uma empresa instaladora especializada ou de um serviço técnico.
Caso seja detectado algum defeito na vistoria, é prudente que seja reparado imediatamente. Não espere os problemas acontecerem. Previna, faça a vistoria periódica da instalação e dos equipamentos a gás, como aquecedor, fogão, etc.

Saiba agora de quem é a responsabilidade sobre gás encanado no seu imóvel.


* Fontes: Profissionais da empresa Gás Natural Fenosa, Weverton Geziel de Souza, professor do curso de Engenharia Civil da Anhembi Morumbi, Ronaldo Suzuki, professor de Arquitetura e Urbanismo do Mackenzie

Tags:

Comentários


  • 14 de junho de 2016 às 00:00
    No condomínio posso fechar a cabine dos medidores com cadeado ou fechadura ou tenho que deixar aberto? obrigado
Ir para o topo