Proteja a sua casa da maresia

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Dicas caseiras ajudam a preservar a casa e o mobiliário

Quem mora ou tem casa no litoral sabe que precisa proteger o patrimônio contra um mal invisível, mas que deixa suas marcas com o passar do tempo. A maresia é um problema que, sem os devidos cuidados, pode destruir móveis, eletrodomésticos e até mesmo a parte estrutural das casas. O Portal BBel conversou com a arquiteta Daniela Barranco Omairi e com a home organizer Carla Cardoso para reunir dicas que vão proteger a sua casa, evitando os danos causados pela maresia.

Escolha elementos não suscetíveis à maresia

A primeira dica para quem vai construir no litoral ou em algum lugar próximo e que esteja suscetível à maresia é optar por elementos de construção que não sofram com a ação desse inimigo invisível. "Alumínio, materiais em PVC e latão devem ser preferencialmente usados para compor as construções. No caso de madeiras, a opção deve ser pelas mais duras, que devem passar por um sistema de proteção selante antes da pintura. Esse processo retarda os danos causados tanto pela maresia quanto pela umidade", comenta a arquiteta.

Itens de ferro, segundo Daniela Omairi, devem ser evitados, pois fazem parte da lista de materiais mais sensíveis à maresia. Como opção a arquiteta sugere o aço puro ou o latão, principalmente para as dobradiças, fechaduras e puxadores dos armários. Para esses casos o ideal é usar de vez em quando um óleo lubrificante, próprio para garantir a mobilidade, como no caso das dobradiças.

Casa já construída

Quem optou por não construir e comprou uma casa pronta deve preparar o bolso para algumas reformas. Daniela alerta que nas casas mais antigas, onde ainda se usava o ferro como única opção para portões, janelas e demais itens estruturais, é inevitável ter que trocar essas peças com o tempo. "Nos casos externos, como janelas e portões, o ideal é trocar e optar pelo alumínio", orienta Daniela Omairi.

Revestimentos

A tecnologia é uma das aliadas na hora de revestir a casa e proteger contra os efeitos da maresia. A arquiteta sugere o uso de opções que imitem a madeira, mas que não são elementos naturais. É o caso dos decks de PVC ou revestimentos cerâmicos, que imitam com perfeição a madeira, sem a necessidade de manutenção e preocupação com pragas, como os cupins. Saiba mais sobre os revestimentos que imitam a madeira. Segundo Daniela, quando a opção da família é manter a madeira natural, é preciso pensar na incidência do sol, que pode clarear e acelerar o processo de desgaste da madeira. Além desse fator, é essencial usar produtos que ajudam a proteger e retardar o desbotamento e desgaste.

Tintas para as paredes da casa

Atualmente o mercado disponibiliza diversas opções de tintas próprias para resistir mais tempo aos efeitos nocivos da maresia. A pintura da casa sofre um grande desgaste devido a soma da incidência solar com a maresia. Daniela sugere que a família procure um arquiteto para ajudar na escolha do tipo de tinta que irá revestir as paredes externas e também as internas da casa. "Existem variações de tintas que já possuem a função selante, que retarda a penetração da maresia no concreto e desacelera o desbotamento das cores. Além disso, algumas possuem até a função antifungo, evitando o seu aparecimento em localidades com maior índice de umidade", explica a arquiteta.

Piso da casa

Para facilitar a limpeza e também a conservação, Daniela e Carla indicam o uso de pisos frios, que possam facilmente ser lavados com água e sabão. Para as casas que ficam fechadas por muito tempo e possuem aquele característico odor de mofo, Carla sugere uma solução caseira, usando meio litro de água sanitária e meio litro de vinagre branco. Mas atenção, a home organizer alerta que alguns pisos podem manchar quando se aplica essa mistura diretamente nele. É preciso se informar antes ou fazer um teste em uma parte do piso que fique mais escondida, como embaixo das mesas, estantes ou cama. Essa solução de vinagre e água sanitária também pode ser usada nos armários, passando com um pano umedecido.

Veja na próxima página como proteger os eletrodomésticos e móveis da casa contra a maresia.

Proteja os móveis

Engana-se quem acha que os móveis e eletrodomésticos não são afetados pela ação da maresia. Tanto a madeira quanto os elementos de metal que se encontram nos eletrodomésticos estão suscetíveis a perder brilho, esfarelar e até mesmo oxidar. Uma das dicas de Carla Cardoso é evitar o acumulo de móveis, principalmente de madeira, pois isso tende a dificultar a manutenção e contribui para o odor de mofo na casa. Para os armários de roupas, Carla indica o uso de vinagre branco fervido com água. Após esfriar, deve-se passar a solução usando um pano umedecido.

O quarto é um dos ambientes que mais sofre com o mofo e o bolor causados pela maresia. Por esse motivo Carla explica que não se deve deixar o colchão envolto no lençol e nem a roupa de cama dentro dos armários fechados. Para manter as cores e proteger melhor os móveis de madeira, a organizer sugere o uso de óleo de peroba uma vez por mês, mas é preciso tomar cuidado com o cheiro.

Carla também orienta a evitar o uso de limpadores multiuso e recorrer a soluções mais caseiras, como o uso do bicarbonato de sódio nos armários, que também é uma eficiente ferramenta para eliminar odores. Impermeabilizar o estofamento, segundo Carla e Daniela, é uma boa opção para evitar problemas causados tanto pela maresia quanto pelo mofo ou bolor. Usar sílica em gel também ajuda a tirar a umidade. Para isso é preciso fazer trouxinhas, em saquinhos de pano ou TNT, e espalhar pela casa, lembrando-se de trocar a cada seis meses.

Proteja os eletrodomésticos

A dica para conservar os eletrodomésticos e evitar que eles também sejam danificados pela maresia é mantê-los o mais protegidos possível, dentro de armários. Caso não seja possível, como o caso de fogão, geladeira e micro-ondas, Daniela comenta que é preciso limpá-los com água doce pelo menos uma vez a cada 15 dias. Outra dica da organizer é passar um pano com vaselina líquida nos eletrodomésticos e itens de metal, como as torneiras e fechaduras.

Agora que você já sabe como proteger o seu patrimônio da maresia, que tal algumas sugestões para decorar a sua casa de veraneio ?

Tags:

Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse post!

Ir para o topo