Como cuidar de samambaias

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Olá, pessoal! Hoje eu trouxe dicas de cuidado e cultivo para quem ama samambaias. A samambaia é uma planta antiga, mas que está sempre em alta na decoração. Com uma aparência peculiar garante charme e pode ser cultivada em vasos de médio e grande porte, jardins verticais ou penduradas com suporte em áreas externas e internas.

Samambaia

Plinio Guarany

Vamos às dicas!

Vasos para samambaia

Vasos

Rômulo Fialdini / Projeto da designer de interiores Cristina Bárbara

Samambaias se adaptam à qualquer tipo de vaso, porém deve-se levar em conta a retenção de umidade. Caso escolha um vaso de cerâmica é importante utilizar um impermeabilizante interno para impedir que a própria cerâmica absorva a umidade da terra, desidratando as raízes das plantas.

O vaso de coxim (fibra de coco) também pode ser utilizado, porém, acumula água em excesso atraindo lesmas e caramujos para as plantas.

Cuidados com a samambaia

Ambiente

Terraço com samambaia

Alessandro Guimarães / Projeto da arquiteta Marcy Ricciardi

Samambaias podem ser colocadas em ambientes internos, desde que próximos às janelas. Deve-se mantê-las protegidas do vento mais intenso, embora devam receber ventilação constante.

Iluminação

O ideal é que receba em maior parte do tempo a luz solar indireta. As samambaias devem ser colocadas em locais com meia sombra, ou seja, nos quais recebam luz de 3 a 4 horas (sobretudo do período da manhã).

Umidade

Níveis altos de umidade no ar são perfeitos para as samambaias. Se o local for muito seco, um umidificador pode auxiliar.

Temperatura

Certifique-se de que a temperatura d local onde escolheu para cultivá-la esteja próxima a 21° C. As samambaias conseguem suportar temperaturas de até 15° C, mas não se desenvolverão bem em temperaturas muito baixas.

Solo ideal

O solo para plantio deve ter metade do volume formado por composto orgânico bem curtido ou pó de xaxim (cada vez menos utilizado em função do impacto ambiental relacionado com sua extração), 1/4 de areia grossa e 1/4 de terra.

Rega da samambaia

Regando a samambaia

Shutterstock / Scharfsinn

Regar a samambaia um pouco todos os dias é o ideal. Molhe a terra por igual sem encharcar, pois o excesso poderá apodrecer a raiz. Com um borrifador de água molhe as plantas de preferência uma vez por semana. A terra nunca deve ficar seca e a água que fica acumulada no prato durante o processo de rega deve ser retirada.

Adubo e fertilizante

Quando pensamos em manter uma planta saudável, os dois são aliados, a diferença é que os adubos são produzidos de forma orgânica e os fertilizantes em laboratório. As samambaias possuem apenas folhas, sem frutos nem flores, então os dois podem ser utilizados, principalmente produtos ricos em nitrogênio. Deve- se utilizar adubo leve, composto por sopa de torta de mamona e farinha de osso. A adubação deve ser feita mensalmente e só deve ocorrer após o plantio e consolidação em vaso definitivo, que costuma ocorrer após seis meses.

Poda

Podando samambaia

Shutterstock / Scharfsinn

As samambaias necessitam de uma poda anual realizada preferencialmente entre meses de maio a julho. Já as folhas mortas podem ser retiradas conforme forem aparecendo.

Varandas

Samambaia na varanda

Marcos Antônio / Projeto do arquiteto Marcelo Rosset

Caso a planta fique em varanda de apartamento é necessário que a mantenha protegida por paredes ou vidro basculante, uma vez que a samambaia não suporta ventos muito fortes.

Evite as pragas

Embora as samambaias sejam mais resistentes às pragas, eventualmente podem ser observadas ocorrências de pulgões, ácaros, fungos (conhecidos popularmente como "ferrugem") e lagartas. Para evitar os pulgões e ácaros, pode-se borrifar calda de fumo. As folhas que já estiverem infestadas devem ser removidas, para evitar o alastramento. Caso as medidas anteriores não funcionem, a eliminação pode ser feita com o uso de inseticidas naturais, aplicados uma vez por semana, durante um mês. Para combater os fungos, aplique produtos à base de sulfato de cobre ou aplique carvão em pó no local afetado. As lagartas devem, preferencialmente, ser retiradas manualmente e, em último caso, eliminadas com o uso de um produto específico para esse fim.

Dicas gerais

Samambaia Havaiana

Rômulo Fialdini / Projeto da arquiteta Débora Aguiar

  • Em jardins verticais, as samambaias podem ser dispostas uma ao lado da outra, formando na horizontal ou vertical, um belo quadro verde.
  • Uma dica de decoração com samambaia é utilizar cachepots em mesas de centro ou até mesmo em composições de vasos de tamanhos variados, sendo a samambaia a planta de destaque.
  • A Samambaia-Havaiana é indicada para ambientes internos ou meia sombra, em vasos sobre a mesa, ou mesmo pendentes para serem fixadas no teto ou sob o telhado lembrando que elas não gostam do excesso de vento.

Com essas orientações, nossas samambaias ficarão simplesmente maravilhosas. Que alegria!

Vejam também como criar um cantinho verde em ambientes pequenos.

Beijocas estaladas!

Fontes: Leonardo Loyolla, docente do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Anhembi Morumbi, Rayssa Mendes, arquiteta da Lopez Interiores e Daniela Sedo, arquiteta e paisagista.

Tags:

Comentários


  • 8 de julho de 2016 às 00:00
    Gostaria de saber sobre como cuidar das raizes aéreas. Devemos podá-las também?
Ir para o topo