Como dividir pequenos espaços

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Divida os espaços integrados do seu cantinho de forma prática e funcional

Estante vazada

Shutterstock / Atiketta Sangasaeng

Imóveis pequenos com espaços integrados dão praticidade a rotina e estão em alta. Algumas soluções rápidas e funcionais podem ser bem bacanas para manter a integração, e ao mesmo tempo possibilitar a privacidade de cada cantinho. Confira as dicas a seguir.

Divisão de ambientes integrados

Estante vazada

Sidney Doll

  • O primeiro passo é pensar na circulação dos moradores. A perfeita distribuição do mobiliário é que irá garantir o aconchego.
  • Dê preferência ao mobiliário não fixo, a não ser em espaços definidos, como o closet e a cozinha.
  • Diferença nas cores e texturas é uma forma de divisão, só tome cuidado para não cair no exagero.
  • Móveis modulares e menores são interessantes para divisão, prefira, por exemplo, dois sofás de dois lugares ao invés de um de quatro. Dessa forma, você terá mobilidade ao receber visitas, ou simplesmente na hora de mudar o visual do local.
  • De modo geral, painéis, paredes vazadas, estantes com nichos abertos, esculturas, paredes de vidro, porta de correr, divisórias, estruturas de gesso e móveis multiusos podem ser utilizados para criar um interessante jogo de "mostra-esconde".
  • As estantes vazadas delimitam espaço, e ao mesmo tempo servem para organizar objetos, livros, obras de arte, fotos, etc... Utilizadas de forma criativa, aproveitam espaço e, além de tudo, agregam charme.
  • Na sala, o sofá pode facilmente ser utilizado para delimitar os espaços, um banco com almofadas, um rack ou painel com equipamentos de áudio e vídeo também são boas escolhas.
  • Porta de correr, seja ela embutida ou não, é uma excelente opção para quem tem a cozinha integrada com qualquer outro espaço. Ela manterá a amplitude quando aberta, e a privacidade necessária quando fechada, por exemplo, para cozinhar alimentos que possam deixar cheiros.
  • Um belo painel de madeira pode ser utilizado como cabeceira da cama, e é ideal para dividir o quarto dos demais ambientes.
  • Para quem trabalha em casa e não tem como separar essa área, a ideia é utilizar móveis com múltiplas funções. Uma bancada ou mesa que já façam parte da decoração da sala podem ser utilizadas para o escritório. Escrivaninha atrás do sofá também é uma ótima opção.
  • A cozinha americana continua sendo a queridinha dos ambientes integrados, pois cria uma atmosfera perfeita para a recepção. Fazer uma brincadeira diferenciando os pisos vale nessa hora.

As dicas foram dadas por: Simone Serrano, diretora da Organizzarte, Edison Souza, arquiteto e Adriana Scartaris, arquiteta, Claudio Lima, coordenador do curso de Design de interiores da Universidade Anhembi Morumbi e Carolina Siggel, professora de arquitetura na UNIAN

Veja como
separar ambientes sem usar paredes.

Tags:

Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse post!

Ir para o topo