Conheça os tipos de lareira

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Aconchegante e confortável é o clima do ambiente com lareira

Sala com lareira

João
Ribeiro

Hoje em dia todas as pessoas podem ter uma lareira em casa, pois, existem diversos modelos que se adaptam às necessidades e características dos consumidores. Portáteis, a gás, a lenha ou álcool, as lareiras dão conforto e aconchego em ambientes como quartos, jardins, salas.

Para escolher a lareira ideal você deve levar em consideração:

  • O estilo do ambiente;
  • O tipo de exaustão;
  • As condições de construção;
  • A estrutura da peça;
  • O local em que ela será instalada.

Desta forma, é possível analisar qual lareira se adequa melhor a sua casa ou apartamento. Mas, lembre-se que a lareira perfeita é aquela que combina com o espaço e atende as necessidades de quem ali vive.

No entanto, antes de escolher o modelo da lareira é necessário avaliar os cuidados indispensáveis na sua construção e instalação, tais como:

  • Procurar uma equipe de montagem com experiência e qualidade;
  • Seguir as instruções corretamente, sendo fiel às medidas orientadas no manual técnico;
  • Fazer exaustão correta para saída de fumaça.

Tipos de lareira

As diferenças entre as lareiras são determinadas pelo design, exaustão e construção, veja a seguir os modelos disponíveis no mercado.

Lareira a lenha

Sala com lareira

Carlos
Piratininga

A lareira a lenha tem efeito mais acolhedor e é utilizado com
frequência em casas maiores ou com decoração campestre. Com caráter mais
rústico e intimista, a peça pode ser construída em alvenaria, metal ou com
alguns tipos de pedras.

Dentre as vantagens deste tipo de lareira podemos citar o ritual, o
charme, o maior controle do fogo e a durabilidade maior de calor.

Mais exigente,
a lareira a lenha
exige um planejamento maior na sua instalação
. Para colocar esta peça na
sua casa é preciso preparar a parede em que ela vai ser instalada, construir
uma chaminé, ter uma manutenção e limpeza frequente, comprar os aparatos
técnicos necessários para a sua utilização e não se importar com a fumaça e o
cheiro que ela produz.

Lareira a álcool

Sala com lareira

Divulgação

Práticas, modernas e ecológicas, as lareiras a álcool não requerem grandes modificações na infraestrutura onde serão instaladas. O modelo não exige a construção de uma chaminé e pode ser colocada em diversos lugares. No entanto, para o equipamento funcionar com segurança é preciso instalar em um ambiente amplo com ventilação natural. 

Outro cuidado que precisa ser tomado está relacionado ao fogo, por ter um visual escultural quase cenográfico, as pessoas tem a ligeira impressão de que a lareira não esquenta, mas isso é um erro, pois,
ela esquenta da mesma forma que os outros modelos e os cuidados com as crianças e os animais de estimação devem ser mantidos.

Lareira a gás

Sala com lareira

Carlos
Quinato

Elegante e funcional, a chama desta lareira é gerada por combustão de gás, tanto natural quanto GLP (o de botijão), por isso, não importa qual o tipo de alimentação tem sua casa ou apartamento, se você tiver pontos de gás previstos e um registro no local é possível instalar a lareira sem grandes preocupações.

Com acionamento fácil e prático, o equipamento não requer manutenção e limpeza constante.
Para lareira funcionar com plena segurança é necessário apenas um tubo feito de cobre que conduzirá o gás até o ponto da lareira. Este tubo deve ser instalado sob o piso da residência. Se você quiser acioná-la por controle remoto é necessário instalar um ponto de energia perto da peça.

Antes de comprar a lareira, verifique se o modelo que você escolheu segue as regras da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Observe também se a lareira possui uma válvula de segurança para cortar o gás se a chama se apagar, evitando que o gás se espalhe pelo ambiente.

Lareira suspensa

Lareira

Divulgação

As lareiras suspensas são fáceis de se ajustar em qualquer residência. Portátil, pode ser levada para qualquer ambiente aquecendo o lugar desejado com charme e elegância agregando a decoração e trazendo um clima acolhedor para o lugar.

Tags:

Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse post!

Ir para o topo