Controle de lagartas nas Palmáceas

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

O controle natural é feito pelos pássaros.

Com o final do inverno, o aquecimento da temperatura e o advento da primavera, devido ao desequilíbrio ecológico urbano, há uma explosão na população de insetos e micro-organismos.

Se possui palmeiras e coqueiros na composição do seu jardim, saiba que é nessa época que as lagartas aparecem sobre as folhas e causam estragos ao paisagismo.

Infestação de lagartas nas palmáceas

As lagartas da espécie Brassolis sophorae conhecida como lagarta-das-folhas ou lagarta-do-coqueiro se alimentam principalmente de brotos e folhas jovens e macias das palmeiras e coqueiros e se propagam rapidamente em regiões de clima quente. Como as lagartas destroem suas folhas, deixam apenas as nervuras, as plantas passam a absorver menos nutrientes do solo e deixam de ser vistosas.

Controle natural de lagartas nas palmáceas

Lagarta nas palmáceas

O controle natural das lagartas que atingem especialmente as palmáceas é feito pelos pássaros que se alimentam destes insetos.

Portanto, um tipo de controle natural sugerido é o plantio de árvores nativas silvestres e frutíferas como a cereja do Rio Grande, as amoreiras, pitangueiras, jabuticabeiras, entre outras espécies. Essas árvores atraem pássaros que, além de se alimentarem com os frutos, alimentam-se também de lagartas, mantendo o equilíbrio ecológico no seu jardim.

Controle químico de lagartas nas palmáceas

Lagarta nas palmáceas

Como muitas vezes plantar esses tipos de árvores não é possível, abaixo estão três técnicas com produtos químicos que podem ser aplicados, começando pelo mais inofensivo:

  1. Em um pequeno saquinho de filó, ou em um pé- de- meia coloque uma pastilha desodorizante de vaso sanitário, à venda nos mercados, acrescente de quatro a seis bolinhas de naftalina e amarre o saquinho no alto do coqueiro. Entre 30 e 40 dias a pastilha e a naftalina estarão dissolvidas e as lagartas fugirão do forte odor.
  2. Amarre com barbante um retalho de estopa com pó de veneno para lagartas, à venda nas lojas especializadas, onde as folhas nascem.
  3. Compre nas lojas do ramo, produto líquido ou em pó para extermínio de lagartas. Prepare a medida certa na bomba pulverizadora. Use óculos, máscara protetora e uma escada para pulverizar o local.
  4. Lagarta nas palmáceas

  5. Contra brocas em palmeiras e coqueiros, limpe bem o local com canivete, tirando tudo que for possível. Aplique então produtos comerciais para eliminar brocas, depois tampe com argila ou massa de barro para que o produto penetre na seiva.

Se outras pragas estiverem atacando seu jardim e estragando seu paisagismo, leia sobre o manejo caseiro de doenças e pragas.

Com esses cuidados suas palmeiras e coqueiros ficarão sempre bonitos. Aprenda também como preparar o seu jardim para primavera.

Tags:

Comentários


  • 8 de julho de 2009 às 00:00
    Porfavor tenho um pomar de ameixa e pessego e ja fiz algumas prevenção de larvas mas todos os frutos dão larvas e tambem tenho um pomar de jabuticaba que foi de encherto +- 1metro não gresce pois

    ja tem 3 anos gostaria SR.pode me orienta do problema grato silvio
  • 19 de julho de 2009 às 00:00
    Prezados Senhores.



    Moro em São Paulo, e possuo no quintal uma Pitangueira que está atacada por broca (lagarta branca ? ainda não a vi).

    Uma parte do tronco está com pequenos furos, de onde sai uma líquido/seiva escuro.

    Vocês pderiam me orientar/ajudar para tratar o problema.





    Não quero perder a árvore.





    Atenciosamente



    Marcos Braga

    (11) 5571-6692

  • 24 de março de 2012 às 00:00
    Tenho um coqueiro as folhas estão sendo comidas, o tronco esta com furos e todas as vêzes que nasce os coqueinhos eles caem.
    Existe alugum produto que pode ser aplicado no tronco para compater as pragas, pois ele esta muito alto.
  • 24 de abril de 2012 às 00:00
    obrigado pela dica como cuidar das orquideas gostaria de saber como cuidar de uva pois tenho uma parreira nos primeiros anos ela caregou deu us cachos bonitos agora os cachos estaõ fraquinhos
  • 29 de junho de 2012 às 00:00
    Vocês falaram....falaram , e não disseram nada!
Ir para o topo