Cubas para banheiro e lavabo

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Opções de modelos e materiais

A composição do banheiro ideal para a sua casa depende de muitos detalhes. Um deles é a cuba, encontrada no mercado em diversos modelos, formas, tamanhos e materiais. Por isso, antes de comprar, peça ajuda a um profissional da área para elaborar um projeto que coloque no papel as dimensões do ambiente e defina o estilo de banheiro desejado.

Cubas de louça são as mais tradicionais, porém existem tipos feitos em vidro, cerâmica, inox, madeira, materiais sintéticos como Corian (mistura de minerais e acrílico) e marmoglass (produzido com pó de mármore e vidro). A forma pode ser arredondada, quadrada, retangular e oval e, assim como a cor, deve combinar com a bancada onde a cuba vai ser disposta.

A arquiteta Maithiá Guedes recomenda que a cuba seja escolhida em concordância com os revestimentos gerais do banheiro. "Se colocarmos algo muito rebuscado, precisamos de peças mais simples, caso contrário é possível brincar". Ela também ressalta que a cuba deve ser instalada na altura adequada. O padrão é de 90 cm, mas pode variar de acordo com a altura do cliente.

Proporcional ao ambiente e às outras peças, a cuba ganha ainda mais requinte com uma iluminação planejada. A imagem abaixo ilustra o lavabo decorado pela arquiteta Vanessa Trad, que destaca uma cuba de vidro iluminada. "No meio do banheiro, onde fica a área do vaso e do bidê, indico a utilização de lâmpadas florescentes, além de uma iluminação especial na região da cuba, trabalhando com uma iluminação direta", sugere.

 Lavabo decorado

Cubas podem ser embutidas, sobrepostas e semiencaixadas. As primeiras, mais comuns, são encaixadas na bancada, aparador ou gabinete do banheiro. As de sobrepor são muito vistas em lavabos e ficam apoiadas em cima do móvel. Já as de semiencaixe, como o próprio nome diz, são parcialmente embutidas, deixando uma parte para fora.

Na hora de escolher a cuba de sobrepor, procure uma loja que ofereça o test-drive com a torneira e água corrente, assim você verifica seu escoamento e não corre o risco de ter uma peça bela, porém antifuncional. Para facilitar a seleção, veja na próxima página diversos modelos de cubas para o seu banheiro.

Sobrepostas, semiencaixadas e embutidas

Acima, dois exemplos de cubas sobrepostas ou de apoio. À esquerda, a peça da Roca é decorada com motivos urbanos. Ao lado, a cuba da Doka Bath Works possui ângulos que lembram um trapézio, fabricada em Quarrycast, composto vulcânico feito de pedra calcária rara que conserva a temperatura ambiente da água por mais tempo.

 Cubas de cerâmica

As cubas artesanais da fabricante argentina Fango são feitas em cerâmica e decoradas à mão. Em seguida, são levadas a fornos elétricos automáticos, etapa em que a rigidez e a qualidade do produto são garantidas. A empresa vende cubas redondas, cônicas e cilíndricas e tem distribuidores no Brasil.

 Cubas de semiencaixe

O modelo de semiencaixe é representado pelas imagens acima. À esquerda, peça da Alina Brasil fabricada em Corian, composto de resina acrílica e minerais naturais. Duas das vantagens do material são a resistência a impactos e arranhões e a não porosidade, que dificulta o desenvolvimento de micro-organismos. À direita, a cuba foi parcialmente encaixada no gabinete nas cores branco e preto da Bemi.

 Cuba embutida em aparador

O aparador da Doka Bath Works acompanha a cuba embutida de mármore. O armário é produzido a partir de melanina compacta impermeável e fórmica, com acabamentos que combinam laca, detalhes em vernis e madeiras com textura.

Confira quinze dicas para organização de banheiro.

Tags:

Comentários


  • 15 de setembro de 2011 às 00:00
    muito legal esra foto e materia....
Ir para o topo