Flores naturais marcam presença na decoração

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Com a chegada da primavera, as flores naturais ganham destaque na decoração

Com a chegada da primavera as flores ganham destaque na decoração, seja como estampa ou naturais. Para usar esse adereço é preciso atenção na adaptação dos ambientes. A arquiteta Andréa Parreira aponta o excesso como o grande problema para quem gosta de usar o floral para decorar. Uma grande quantidade de espécies num espaço pequeno pode poluir visualmente, produzindo um efeito estressante ao invés de relaxante.

Outra dica é quanto ao tamanho das plantas utilizadas. "A mesa de jantar, por exemplo, não deve comportar um arranjo com dimensões que atrapalhem a visão entre os que estão sentados", comenta Andréa. Para compor o espaço, é preciso ficar atento às necessidades de cada planta. Planejar o ambiente ajuda a identificar se ele atende aos requisitos mínimos que elas precisam para se desenvolver. "É imprescindível atender às necessidades de cada tipo de planta, como insolação, umidade e ventilação, para que exista uma convivência harmoniosa entre ambiente, planta e morador", informa a arquiteta.

Na próxima página veja quais tipos de planta são ideais para decoração.

Quais plantas usar?

Antes de comprar vários tipos de plantas é necessário avaliar as características que o ambiente oferece, como ventilação e, principalmente, exposição ao sol. Caso o cômodo não ofereça luminosidade suficiente, a iluminação artificial pode resolver esse problema. Alguns tipos de planta são mais aconselháveis para ambientes internos, pois precisam de menos luz. Esse é o caso das violetas, que são ideais para decorar cômodos pouco ventilados e bem iluminados. Folhagens também se adaptam muito bem aos ambientes internos, sendo uma boa opção para quem tem pouco espaço e luminosidade reduzida.

A afelandra anã é mais um tipo de planta que tem fácil adaptação. Medindo cerca de 30 centímetros de altura, atinge seu ápice de beleza na primavera, quando as folhas verdes riscadas em branco recebem as primeiras flores. Os cactos são os preferidos pelos iniciantes, pois não precisam de muitos cuidados, apenas muita luz. Sua beleza rústica nunca sai de moda e são de fácil cultivo.

Os tradicionais bonsais, presentes na cultura japonesa, também são ótimas opções para decoração natural. O cuidado com esse tipo de planta fica em torno da quantidade de água e poda regular.

Não existem regras para a decoração usando flores naturais, por isso, o bom gosto é o que conta. Para quem tem crianças e animais em casa, é fundamental procurar informações sobre a planta que deseja usar. Algumas folhagens, como a comigo-ningúem-pode, são venenosas, podendo causar intoxicação caso sejam ingeridas. Seu uso deve ficar restrito a lugares de difícil acesso e, em caso de ingestão acidental, a orientação é procurar um centro médico especializado em toxicologia imediatamente.

Veja como renovar sua casa com estampas florais.

Tags:

Comentários


  • 27 de outubro de 2011 às 00:00
    amei ficou otimo pois amo plantas e flores exelente ideia ....... obrigada
  • 27 de outubro de 2011 às 00:00
    achei muito legal esta matéria.
  • 28 de outubro de 2011 às 00:00
    Todos nós deverámos cultivar plantas fora e dentro de casa. Elas são vidas e, nos trazem ótimas energias. Sei de pessoas que não tem planta e, dizem não gostas. Que pena, que esses "seres humanos" não gostem da natureza, da mão terra pois, até para respirar-mos precisamos delas. Amo! .....Amo ! as plantas..a mãe natureza.
  • 28 de outubro de 2011 às 00:00
    Qual a planta desta segunda foto?
Ir para o topo