Móveis de madeira sustentável

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Opte pelo consumo consciente

Com uma interferência tão forte no meio ambiente, a indústria moveleira não podia ficar de fora da abordagem sustentável. A exploração da madeira, recurso natural tradicional na confecção de móveis, vem sendo especialmente discutida por conta do vínculo com o desmatamento ilegal.

Para responder à pressão por uma conscientização ecológica, várias empresas madeireiras aderiram a diretrizes de extração e produção que minimizam os impactos ambientais. Reaproveitamento de materiais, preferência por árvores reflorestadas, otimização de gasto energético e responsabilidade social são práticas consideradas sustentáveis.

Um reflexo da adoção da postura do ecologicamente correto é a instituição do Biomóvel por indústrias da região do Planalto do Norte, no estado de Santa Catarina, expressivo exportador de móveis. O selo regional segue rigorosamente os princípios de sustentabilidade exigidos pela cartilha de exigências de certificação florestal internacional FSC (Forest Stewardship Council).

No Brasil, conforme Flávio Carlos Geraldo, membro da diretoria da Associação Brasileira de Preservadores de Madeira, os rigores legais relacionados à preservação ainda são flexíveis. O selo de qualificação nacional da madeira está em processo de criação e cumprirá a função de credenciamento de empresas do setor

A associação estimula a utilização de madeira proveniente de florestas plantadas, como pinus e eucalipto, espécies renováveis e de ciclo curto. A foto no início desta página exemplifica a tendência. O módulo queijinho da linha ecológica da Clami Design foi idealizado pelo arquiteto Paulo Dias e confeccionado em madeira pinus e eucalipto.

Por enquanto, conta-se com o bom senso do consumidor na hora de escolher os móveis para a casa. Investigar o processo de produção da empresa é um dos caminhos para garantir que seu espaço não será decorado à custa da degradação ambiental irregular. A seguir, veja móveis em madeira produzidos sob o olhar da sustentabilidade.

Móveis sustentáveis

Os dois móveis acima também integram a linha de produtos da Clami Design fabricados com madeira de manejo sustentável e de reuso, esta última proveniente de antigas construções no sul do Brasil. A mesa lateral e a estante modular, concebidas por Pedro Petry e Estevam de Carvalhaes, respectivamente, possuem acabamento à base de água e cera de abelha.

 Banco e mesa de centro de madeira

O banco, à esquerda, de autoria do design Paulo Dias é outra peça da Clami, produzido com retalho de diversos tipos de madeira, sobras de materiais de uma empresa fabricante de escadas. A madeira descartada também foi aproveitada por Ibanez Razzera na confecção da mesa de centro apresentada na 1ª. Mostra de Mobiliário da Quintue. Por último, a chaise que mostra o trabalho do designer Hugo França na transformação de resíduos florestais como troncos, raízes, toras e galhos em peças exclusivas.

 Aparador e móveis para varanda

Acima, peças da Arte Real Móveis, uma das empresas credenciadas pelo Biomóvel. O aparador foi desenvolvido pela designer Dirce Ayako com madeira de florestas sustentáveis. Ayako também é responsável pela linha de móveis para varanda feita com madeira nobre de Lyptus certificada de alta resistência e com acabamento atóxico. É apropriada para pequenas sacadas.

Veja mais móveis e peças de decoração feitos com sobras.

Tags:

Comentários


  • 17 de março de 2012 às 00:00
    Foi nesse site aí que eu comprei o pacote de canais www.tvhd.com.br
  • 17 de março de 2012 às 00:00
    Foi nesse site aí que eu comprei o pacote de canais www.tvhd.com.br
Ir para o topo