Quanto trabalho demanda instalar uma banheira?

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Antes de escolher a banheira, saiba o que será preciso para fazer a instalação

Às vezes parece impossível ter uma banheira em casa, mas você sabe realmente quanto de espaço é necessário para abrigá-la e quanto trabalho a instalação dela vai demandar? Tudo isso vai depender do tipo e modelo que você escolher. Atualmente, no mercado, é possível encontrar modelos capazes de caber nos mais variados tipos de residências.

Para começar, todas as banheiras demandam, no mínimo, um ponto de entrada e um ponto de escoamento de água. Outras exigências vão se somando a estas de acordo com o tipo de banheira. Bruno Tomasi, diretor da Doka Bath Works, afirma que os modelos disponíveis hoje em dia se dividem entre banheiras de embutir, freestandings, ofurôs e spas. "O spa é o tipo que exige mais espaço, pois geralmente são banheiras para mais de uma pessoa. As de embutir e os ofurôs necessitam de um espaço mediano e as freestandings são as que precisam de menos espaço", comenta.

As banheiras de imersão freestanding são as de instalação mais simples. Chamadas de auto portantes, não precisam ser instaladas com uma base e acabamento de alvenaria, basta que sejam ligadas a uma entrada e a uma saída de água para funcionar. "As banheiras freestanding são como um objeto, não necessitando ficarem encostadas em paredes", observa Salvador Granado, da Pretty Jet.

Para esse tipo de banheira, o aquecedor é um item opcional, já que elas sozinhas não aquecem a água. "A água já pode entrar aquecida através do aquecedor central que abastece toda residência. Para manter a água aquecida durante o banho é necessário que a banheira tenha como opcional o aquecedor. Ele deve ser definido na hora da compra e o ideal é que seja fabricado pela mesma empresa que produz as banheiras, pois deve ser instalado acoplado à motobomba", argumenta Salvador Granado.

Na página a seguir, saiba mais sobre as banheiras freestanding sem aquecedor.

Freestandings e banheiras de embutir

As banheiras de imersão freestanding também podem ser usadas sem o aquecedor. Bruno Tomasi explica que elas podem ser abastecidas pela água quente proveniente do próprio chuveiro ou de uma torneira elétrica. Nesse caso, o material de fabricação da banheira será o responsável por manter a temperatura do banho. "O ferro e a fibra de vidro são os que perdem calor com mais facilidade. As banheiras de rochas vulcânicas são as que mais mantêm a temperatura da água, seguidas pelas de acrílico e corian", destaca Bruno.

Esse tipo de banheira é o mais indicado para apartamentos por serem as menos exigentes não apenas na instalação, mas também na área ocupada. Bruno Tomasi comenta que existem modelos no mercado com menos de um metro de largura e com comprimento inferior a dois metros.

As banheiras de embutir e os ofurôs, ao contrário das freestanding, precisam ser encaixadas em uma estrutura de alvenaria ou madeira, exigência que se estende para os modelos spa. Adriana Cabral, da Sabbia, afirma que essas são as banheiras mais tradicionais, geralmente fabricadas em acrílico e fibra de vidro. "Em geral necessitam de argamassa para serem assentadas no local da instalação. Para fechamento e acabamento são construídas muretas revestidas por cerâmica", diz Adriana.

Para a instalação desses modelos é preciso a participação de um profissional para fazer as conexões hidráulicas e elétricas, além de um pedreiro para fazer o assentamento da banheira em argamassa, a mureta e o revestimento, acrescenta Adriana.

As banheiras conhecidas como ofurôs tradicionalmente são instaladas em estruturas de madeiras e decks e, por serem mais altas, demandam a construção de degraus para que se tenham acesso a elas. Ainda assim, por comportarem uma pessoa sentada e, não deitada, podem ocupar área menor do que as banheiras tradicionais. Além disso, nada impede que sejam instaladas também como as freestandings, dependo das especificações do fabricante.

Na página a seguir, saiba quais as exigências dos spas e banheiras que contam com hidromassagem.

Spas e hidromassagem

As banheiras somente precisam de um ponto de eletricidade quando contam com hidromassagem.  Salvador Granado ressalta que esta tecnologia também demanda que a banheira seja instalada de forma que exista um ponto de acesso para o motor, no caso da necessidade de manutenção. Ele salienta que vasos sanitários e armários devem estar distantes pelo menos 60 a 70 centímetros desse acesso.

"As instalações que requerem mais cuidados são as de banheiras com hidromassagem, pois necessitam de motobomba, além de acabamento em alvenaria para compor a decoração do banheiro, que pode ser revestido em mármore, granito, cerâmica etc", argumenta. Os modelos spa, explica Bruno Tomasi, são banheiras de hidromassagem que contam com diversos tipos de tecnologia, como cromoterapia, entradas USB, áudio e vídeo. Normalmente abrigam mais de duas pessoas e são instaladas em áreas externas.

Adriana Cabral ensina que para dimensionar a área total que a banheira vai ocupar quando se opta por modelos de embutir com hidromassagem é preciso considerar o tamanho da banheira em si, mais o espaço que será ocupado pelo acabamento que ficará ao redor dela. Ela ainda ressalta que para as freestanding com aquecedor é necessário considerar o tamanho dos produtos e do painel de acabamento. "Nos casos de banheiras de imersão freestanding, o espaço utilizado é exatamente o das dimensões do produto", menciona.

Outro item importante para a instalação quando existe a necessidade de eletricidade é usar um ponto elétrico exclusivo para a banheira, assim como se faz com o chuveiro, inclusive seguindo as indicações do fabricante em relação à espessura da fiação e capacidade do disjuntor.

"Na hora da compra, para minimizar os problemas, o ideal é pesquisar as empresas que oferecem sistemas para facilitar a instalação e que dispensam a construção de uma base em alvenaria e tijolos. Existem no mercado banheiras com estrutura e abas, como uma maquina de lavar, que só necessitam dos pontos de água, deságue e energia previamente preparados. As instalações dessas banheiras são feitas a seco e sem sujeira", orienta Salvador Granado.

Saiba mais sobre os modelos de banheiras e seus materiais de fabricação.

Tags:

Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse post!

Ir para o topo