Quais bebidas servir em festas de casamento

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Saiba quais bebidas não podem faltar e conheça o serviço de bar para casamentos

Ao organizar o casamento, os noivos precisam se lembrar de todos os elementos para fazer uma festa completa, como buffet, lembrancinhas, doces, decoração e muito mais. Mas um dos principais detalhes desse evento são as bebidas, que precisam estar de acordo com o tipo de festa que será oferecida e também com o que os convidados e os noivos desejam.

A cerveja, apesar de ser a bebida preferida dos brasileiros, não tem obrigatoriedade de ser servida na festa de casamento. "Apenas é de bom tom ter para o caso de algum convidado pedir. Não é necessário oferecê-la o tempo todo, apenas servir quando alguém solicitar. Deve-se levar em consideração se existem convidados que apreciam esse tipo de bebida ou só tomam isso", explica Ana Verano, cerimonialista da Verano Eventos.

"Buffets mais tradicionais não indicam que as cervejas sejam oferecidas nesse tipo de evento, mas moramos em um país tropical e o brasileiro está acostumado a tomar cerveja em comemorações. Há quem só tome essa bebida e fica chato se não tiver. Portanto, ofereça a cerveja normalmente ou deixe em stand by, para ser oferecida quando o convidado pedir. Uma opção interessante é servir cervejas gourmet, que podem ser encontradas em lojas especializadas e são bebidas mais chiques e de acordo com uma festa de casamento", sugere Vanessa Blanco, cerimonialista da Up Assessoria de Eventos.

Há mais bebidas que devem ser oferecidas em seu casamento. Confira na próxima página.

Outras bebidas alcoólicas

Há outras bebidas alcoólicas que não podem faltar na festa de casamento. Vinhos espumantes e até champagne podem estar no cardápio da comemoração. "Optar por servir champagne ou algum outro espumante de qualquer nacionalidade deve ser escolha pessoal dos noivos, baseando-se em seu gosto e disponibilidade de investimento. O ideal é que exista um meio termo nessa escolha. Ou seja, não é indicado que se sirva um champagne ou espumante muito seco, pois não agrada as mulheres, que são o foco principal desse tipo de bebida, nem muito suave/adocicado, por ser difícil de harmonizar e enjoativo após certo tempo", avisa Ana.

Nessa linha de bebidas existem outras opções. "Os noivos também podem optar por diversos tipos de vinhos ou por um bom prosseco, muito adequado para uma festa de casamento. O importante é servir com bom gosto e que o preço dessas bebidas caiba no bolso dos recém-casados", indica Vanessa. "Geralmente, o vinho mais servido nesse tipo de evento é o espumante. Mas é possível oferecer outros vinhos na hora do jantar, por exemplo. Sirva um tinto ou branco conforme o cardápio ou então ofereça um de cada, para o convidado escolher conforme seu gosto. O rosé também é um vinho muito adequado para a ocasião", esclarece Vanessa.

O uísque é uma bebida alcoólica que também deve ser oferecida "É importante servir o uísque. Depende do gosto dos noivos e também dos convidados. Por ser uma bebida mais cara, o casal pode comprar em algum free shop caso faça uma viagem internacional ou pode pedir para amigos e parentes que forem fazer este tipo de viagem", sugere Vanessa.

Por isso, é importante calcular corretamente a quantidade de bebidas que será oferecida conforme o número de convidados. "Normalmente calculamos uma garrafa de uísque para cada 10 convidados, uma de espumante para cada duas pessoas e uma garrafa de vinho para seis convidados", explica Ana. "Já uma garrafa de cerveja deve ser calculada para cada quatro convidados. Se os noivos optarem por incluir um bar de coquetéis, a quantidade das outras bebidas pode ser diminuída", alerta Vanessa.

Na próxima página veja quais são as bebidas não alcoólicas mais adequadas para uma festa de casamento.

Bebidas não alcoólicas

Entre os convidados de um casamento, existem as pessoas que não tomam bebidas alcoólicas por algum motivo, que pode ser religioso, por fazer algum tratamento com remédios que não podem ser misturados com álcool ou apenas pelo gosto pessoal. Além disso, sempre há crianças nessas comemorações, portanto é de bom tom oferecer bebidas não alcoólicas para atender a este público.

"Sucos, refrigerantes e água são bebidas não alcoólicas que devem ser oferecidas em festas de casamento", indica Ana. "Hoje existem também as águas aromatizadas, que podem ser servidas ainda na cerimônia religiosa, para refrescar os convidados quando chegam, ou então oferecer na festa mesmo. Outra bebida que não pode faltar em um casamento é o suco, pois há quem não beba álcool nem refrigerante", lembra Vanessa.

Há ainda outras opções de bebidas não alcoólicas que agradam crianças e adultos. "Existem diversos coquetéis de frutas muito saborosos que não levam álcool em sua composição e que podem ser servidos", sugere Ana. "Outra novidade é o pink lemonade, uma bebida adocicada e refrescante, com sabor limão e de coloração rosa, que conquista tanto crianças quanto adultos. Já os noivos que pretendem fazer seus convidados dançarem a noite toda podem servir milk shakes na madrugada, na pista de dança mesmo", aconselha Vanessa.

Para que não falte nenhuma bebida em seu casamento, seja alcoólica ou não, é importante comprar tudo com antecedência. "O ideal é que as bebidas sejam fechadas com pelo menos um mês de antecedência, mas até duas semanas antes há tempo suficiente. Quanto antes, melhor, em termos de garantia dos preços", aconselha Ana. "Alguns casais optam por comprar as bebidas conforme encontram preços bons ou promoções", avisa Vanessa.

Na próxima página, confira como funciona o serviço de bar e quais são as bebidas oferecidas.

Serviço de bar

Atualmente existe no mercado de casamentos uma excelente opção de bebida que, além de ser saborosa, ainda conquista os convidados por ser algo diferenciado. É o serviço de bar, que monta um bar exclusivo para sua comemoração e oferece bebidas de diversos tipos e para todos os gostos. "O mercado de eventos sociais incorporou o serviço de bar profissional definitivamente. Hoje, a escolha do bar nos casamentos é tão importante quanto a escolha do buffet. Um barman profissional pode trazer experiências únicas a todos, proporcionando que experimentem, conheçam e degustem drinks especiais, criados exclusivamente para a ocasião", explica Rodrigo Marcusso, mixologista do Bar & Barman, um serviço de bar para eventos.

O bar é um serviço personalizado e diferente para ter em seu casamento. "Após conhecer o perfil do cliente e analisar o evento proposto, é criado um menu de drinks e coquetéis especiais para a ocasião. Os noivos fazem uma degustação e podem dar suas opiniões e toques pessoais. Depois de formatado o menu dos drinks que serão servidos, passamos para a produção do evento, quando é feita a escolha de mobiliário de bar, peças decorativas e glassware que serão adequados ao projeto cenográfico do casamento", comenta Rodrigo.

Entre os serviços oferecidos, estão as caipirinhas gourmet e a mixologia molecular, que são pastilhas sólidas com sabores de bebidas alcoólicas. "As caipirinhas especiais são associadas a frutas frescas e enriquecidas com toques de ervas, condimentos, essências e sirups naturais, tornando as tradicionais caipirinhas verdadeiras obras gourmet. Já a mixologia molecular é feita de drinks com diferentes sabores, texturas e formas de apresentação", avisa o mixologista. Os serviços de bar também oferecem bebidas sem álcool. "É importante atender todos os convidados, mesmo as crianças e pessoas que não consumam bebidas alcoólicas. Dentre os drinks sem álcool têm os Muddles, que são feitos a base de frutas maceradas, os milk shakes que são servidos como nos anos 1970, os smoothies cremosos a base de sherbets naturais, entre muitos outros", conta o profissional.

Outro serviço oferecido é o de barista, para servir aos convidados no final da festa de casamento. "Um bom café ao final do evento encerra com chave de ouro essa ocasião memorável. Há um serviço de café, cappuccino e hot drinks", conta Rodrigo. Mas para ter os bares em seu casamento, é importante contratar com antecedência. "Sugiro que o bar seja contratado após definido o buffet e a decoração, pois nesse momento conseguimos harmonizar o cardápio de bebidas ao de comida, além de poder discutir junto ao decorador qual mobiliário se adequa ao que foi contratado pelos noivos", recomenda o mixologista.

Veja também que é importante oferecer lembrancinhas aos convidados.

Tags:

Comentários


  • 6 de julho de 2012 às 00:00
    Cerveja no casamento é coisa de curintiano
Ir para o topo