Como cuidar de orquídeas

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Olá amigas e amigos, hoje eu trouxe dicas preciosas de como cuidar de orquídeas. A equipe do blog conversou com especialistas no assunto e descobriu que, ao contrário do que muita gente pensa, essas flores maravilhosas são resistentes e não precisam de tantos cuidados. Aliás, o excesso de zelo pode até prejudicá-las.

Vejam as orientações:

. As orquídeas devem ficar num local com boa luminosidade, mas não diretamente ao sol nem expostas a muito vento. Dica: procure um lugar da casa onde você se sinta bem para ler um livro. A orquídea vai gostar desse local.

. A escolha do vaso é muito importante, pois a principal causa de morte das orquídeas é o uso de vasos inadequados aliado ao excesso de água. Vasos de cerâmica com furos são uma boa opção, pois absorvem parte da umidade e permitem que as raízes fiquem arejadas. Já os vasos de plástico dificultam a aeração e evaporação da água, tornando o ambiente propício para o desenvolvimento de fungos e bactérias. Esses micro-organismos prejudicam e podem até matar as plantas.

. Evite pratinhos debaixo dos vasos e prateleiras não vazadas, pois eles dificultam a escoação da água e a aeração das raízes.

. Orquídeas não gostam de terra, use substratos produzidos com fibra de coco, casca de pinus e carvão.

. A irrigação da planta varia de acordo com a umidade da região. Dica: se você coloca roupas no varal e no fim do dia elas estão secas, a orquídea deve ser irrigada com um intervalo maior, mas se as roupas ficam úmidas, a irrigação pode ser mais espaçada. Outra dica é colocar o dedo no substrato da orquídea para sentir se ele está seco ou úmido.

. Quando for viajar, não encharque a planta de água, pois ela sobrevive melhor com a falta de água do que com o excesso.

. No calor e em regiões quentes, o ideal é molhar as orquídeas no final da tarde. Já no frio e em regiões frias, as plantas devem ser molhadas mais cedo para evitar que a água acumule nas folhas, congele com a baixa temperatura e cause algum dano à planta.

Viram como é fácil cuidar dessas maravilhas? Amo!

Beijocas estaladas!

Tags:

Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse post!

Ir para o topo