Como organizar e conservar fotos e vídeos

Compartilhe! Facebook Twitter Pinterest

Como é bom ver aquelas fotografias antigas que achamos no fundo do armário. Olhe minha bisavó e suas irmãs.... Como dizem, recordar é viver, vocês não acham? Então vamos saber quais cuidados devemos ter para preservar as imagens de nossos antepassados, ou até as nossas de alguns anos atrás. Fazer esta tarefa é uma delícia. Vamos lá?

Com a chegada das câmeras digitais, as fotografias impressas foram substituídas e esquecidas no fundo das gavetas. Os álbuns de papel, antes pesados e empoeirados, deram lugar aos eletrônicos, com opções de músicas e movimento. Os vídeos, que antes eram gravados em fitas VHS de baixa qualidade, começaram a ser produzidos e gravados em mídias digitais, como DVD e HD interno.

Esta tecnologia permitiu a diminuição do tamanho das mídias usadas e também das câmeras, que agora trazem a opção de gravação em HD (High Definition) ou Full HD, dependendo do equipamento.

Mas, mesmo assim, algumas pessoas preferem imprimir as fotos e guardá-las em álbuns ao invés de mantê-las apenas em versão digital. Tanto fitas VHS quanto fotos impressas são materiais sensíveis à umidade e iluminação e, portanto, merecem atenção quanto ao lugar de armazenamento.

Assim como as fotos antigas, as recentes impressas em papel fotográfico precisam de um cuidado diferenciado por conta da sensibilidade do papel utilizado frente ao tempo. A tecnologia de hoje permite a digitalização do material antigo, preservando a memória e possibilitando inclusive algumas correções como coloração e nitidez. Essa é a primeira dica: se possível, digitalize as fotos em uma boa resolução que permita novas impressões, caso as antigas sofram algum dano. Isso vale também para os vídeos. Além da praticidade para guardar, o DVD é menos sensível do que as fitas magnéticas.

Veja na próxima página como organizar suas fotos.

Organizando as fotos

Para organizar e conservar as imagens impressas há duas opções, álbum ou caixa de fotos. Quem prefere optar por algo diferente, uma caixa decorada é uma boa escolha, porém, é preciso estar atento ao lugar de armazenagem. Temperatura e umidade são as principais causas de deterioração das fotografias , portanto, uma caixa ideal deve proteger o material do ar e da iluminação. O armazenamento deve ser em lugar seco e escuro, como baús ou armários.

Separar as fotos por eventos e estado de conservação é a parte mais divertida do trabalho. Além de ajudar na organização, a tarefa se torna uma excelente oportunidade para reunir a família em um momento divertido. A home organizer Adriana Saade sugere começar separando as imagens por assunto e período. Fotos repetidas são facilmente encontradas em meio a tantas lembranças. Ao invés de eliminá-las, ofereça a amigos ou familiares. Caso eles não tenham interesse ou já tenham a mesma fotografia, as fotos devem ser descartadas, juntamente com as que não estão nítidas.

Separando em álbuns

Esse é o momento em que a organização toma forma. Adriana comenta que apesar de ocupar espaço, os álbuns ainda são as melhores opções para conservar as fotos. O ideal é fazer a marcação com as datas ou a descrição do evento. Alguns modelos de álbum possuem espaço para uma breve descrição, o que evita a necessidade de escrever no verso do papel fotográfico. Caso a preferência seja somente armazenar, sem montar um álbum, deve-se atentar ao tipo de caneta a ser usada para evitar que a tinta escorra e borre a foto. Outra dica é personalizar a capa de cada álbum com uma decoração temática, separando por tipo de evento.

Adriana apresenta o scrapbook como opção. "Apesar de ocupar mais espaço, é uma solução criativa porque mistura as fotos com adesivos e outros adereços", comenta a organizer. Outra dica é a etiquetar os álbuns, que serão organizados por evento ou por data, para facilitar a localização das fotos.

Fotos digitais

As câmeras digitais facilitam na hora de tirar as fotos, porém, na hora de organizar, elas complicam ainda mais devido à quantidade de material. Nesse caso, a criação de pastas e subpastas faz toda a diferença. Adriana sugere a separação por datas. Primeiro o ano, seguido do mês e, por último, os eventos como festas, férias ou viagem.

Veja como conservar suas fitas e organizar os vídeos caseiros.

Como conservar e organizar os vídeos

Muitas pessoas ainda preferem o velho VHS ao invés do DVD. Porém, as fitas de VHS estão propensas a mofar e, com isso, a perda do conteúdo é praticamente inevitável. A sugestão para quem tem vídeos com lembranças preciosas gravadas em antigas fitas VHS é convertê-los para DVD. Diversas empresas oferecem a opção de gravar os vídeos antigos em DVD, além de limpar o corpo da fita, evitando que o mofo estrague tanto o conteúdo quanto o vídeo cassete. Adriana sugere que as fitas de VHS sejam guardadas em potes de vidro que, segundo a organizer, impedem a formação do mofo.

As fotos e vídeos podem ser guardados na sala, no quarto ou até mesmo no home office. A dica final, para não se perder ao organizar o material, é manter tudo no mesmo lugar, separando por categorias.

Veja como organizar o home Office.

Tags:

Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse post!

Ir para o topo